quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Ultrasonografia mamária



Antes da ultra eu me preparei, pesquisei, pra tirar o máximo de dúvidas possível com a ultrasonografista.

O ginecologista me passou a ultrasonografia para determinar o tamanho do nódulo, para então me encaminhar ao mastologista.
Segundo ele pela minha idade e pelo fator dor eu tinha altas chances de ser benigno (ou seja, somente retirar o nódulo e depois ficaria tudo bem).


No dia 26/08 fiz a ultrasonografia indicada pelo ginecologista.

Nem vou narrar a minha aventura em busca da ultrasonografia, não vale a pena
Como o exame é de valor relativamente baixo - R$50,00, eu resolvi não ficar esperando semanas pra uma marcação pelo SUS, fiz particular.

Foi mais ou menos assim:

O aparelho de ultrasom é passado nas mamas e nas axilas em busca de nódulos e linfonodos nas axilas.

Geralmente não dói.

No meu caso doeu muito. Pois o meu nódulo é doloroso.

Bom, basicamente a diferença entre tumores benignos e malignos é mais ou menos essa: 

Benignos (Fibroadenoma)

  • Tem forma definida, delimitada. 
  • Atinge mulheres jovens
  • Ao apalpar o peito, costuma-se sentir um nódulo de uns 2 a 5 cm de diâmetro, com uma consistência elástica e não aderente à pele, pelo que se pode deslocar sem dificuldade
  • Apenas em alguns casos se apresentam dores, sobretudo nos dias anteriores à menstruação.
  • A mulher pode viver  avida inteira com ele caso não cause deformidades ou dores

Malignos

  • Geralmente tem forma irregular, não delimitada
  • É enraizado, aderente ao local.
  • Geralmente é acompanhado por linfonodos axilares
  • Dores nos nódulos são são comuns 
  • Costuma atingir mulheres a partir dos 35/40 anos
  • Fatores comportamentais podem aumentar a sua incidência (fumo, amamentação, alimentação, prática de excercicios) assim como o uso de hormônios sintéticos.
  • Fatores genéticos ainda são o maior fator de risco
  • O nódulo maligno aparece como uma massa de contorno espiculado, de limites imprecisos e, em geral, é homogeneamente denso na sua parte central, exceto se houver necrose.


Essas são informações que reuni de sites na internet. 
Não sou médica nem tenho conhecimento técnico.
Consulte sempre o seu médico.

Bom, na minha ultra o resultado foi de um "nódulo sólido, hipoecogênico, de limites mal definidos, contornos irregulares, espiculados, com área ecogênica em sua periferia"

O que isso significa?
Pelo que entendi do que li e da explicação da ultrasonografista: eu tenho um nódulo enraizado, que não pôde ser delimitado no exame de imagem.
Isso é ruim, disse-me ela.

De fato a Drª Angela Michiko Yatabe foi um anjo (21 2603-4441/ 2601-5246)

De uma sensibilidade incrível, foi me explicando tudo que eu perguntava sobre o exame.

Por várias vezes se preocupou com a dor que eu sentia no exame.

De fato, ela não pôde delimitar o tamanho exato do nódulo. Ela não conseguiu enxergar a parte inferior do nódulo não apareceu no exame.

Bom, resumindo:

Se meu exame fosse uma bolinha regular eu estaria bem.

Só que essa "bolona" de 41 x 31 mm não pôde ser delimitada e estava ao lado de um Linfonodo axilar de 39 x 11 mm

A Angela me disse que ela não poderia me dar o diagnóstico apenas pelo exame de imagem, mas que o resultado não era o melhor e que eu deveria me apressar em procurar um mastologista.
E foi exatamente pra onde fui logo após o exame.

Saí de lá arrasada, claro.

Tinha esperanças das dores serem indício de que o tumor fosse benigno.


14 comentários:

  1. Nossa, fiquei impressionada com sua coragem e iniciativa em compartilhar suas experiencias e informações preciosas. Uma garota admiravel.
    Força.

    ResponderExcluir
  2. Oi!Te desejo muita força na sua Luta!Que Deus permita que vc fique boa logo!Estou te seguindo e espero logo voltar aqui pra ler o post onde vc contara que esta curada!Bjs,Leidi

    ResponderExcluir
  3. Oi tenho um nodulo semelhanye, o q tens feito, como esta o tratamento?bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi
      Eu fiz 14 sessões de quimioterapia e 25 de radioterapia.
      Meu nódulo inflamou e espalhou pra pele, impedindo a quadrante.
      Vou fazer mastectomia radical.

      Excluir
  4. Oi tenho um nodulo semelhanye, o q tens feito, como esta o tratamento?bj

    ResponderExcluir
  5. tenho o mesmo nodulo q vc mais de forma regulares porém sinto dor sera normal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sentia muita dor no começo, antes de inflamar.
      Hoje eu voltei a sentir, á medida que o peito tem desinchado.
      A dor é variável, depende do paciente.

      Excluir
  6. tenho o mesmo nodulo q vc mais de forma regulares porém sinto dor sera normal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A dor é relativa, cada pessoa tem uma reação. Uns sentem dor, outros não sentem nada.

      Excluir
  7. oi meu nome e elisangela tenho 34anos e estou com um nodulo de mais de 3 cm os medicos dizem ser inregular nao doi e e bem palpavel vc acha q pode ser um cancer meu email e valmira37@gmail.com estou muito preocupada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O melhor pra te responder isso é o médico.
      Não posso de dizer que pode ser uma coisa ou outra sem saber....
      Boa sorte!
      Saúde e paz!
      Bjs

      Excluir
  8. Gente, pra quem estiver com medo de sentir dor, achei um post muito legal dando umas dicas para previnir o desconforto! http://publivida.org.br/prevencao/entrevista-mamografia-doi-mas-e-possivel-diminuir-o-desconforto/

    Espero que seja de grande ajuda :)

    ResponderExcluir
  9. Manuela, qual o resultado da sua biópsia, pós-cirurgia?

    ResponderExcluir
  10. Aqui estou pela madrugada chorando. Minha mamografia deram dois nódulo semelhante, porém bem menor do que você teve (espero que em Deus que esteja curada). Amanhã farei a biópsia. Mas é uma sensação horrível. Estou tentando assimilar informações, mas tenho esperança de que a biópsia de benigno. Que medo é esse!!

    ResponderExcluir

Seguidores